UNESCO visita Tresminas – TVR

UNESCO visita Tresminas – TVR

A Comissão Nacional da UNESCO visitou o Complexo Mineiro Romano de Tresminas a convite do Município de Vila Pouca de Aguiar e da Direção Regional de Cultura do Norte.

O embaixador Jorge Lobo de Mesquita, Substituto da Presidente (embaixadora Ana Martinho) foi recebido, no parque arqueológico de Tresminas, pelo Presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado, pelo Diretor Regional de Cultura do Norte, António Ponte, autarcas das freguesias em território mineiro (Tresminas, António Teixeira; Alfarela, Manuel Machado; Vreia de Jales, Norberto Pires) e especialistas em valorização do património.

Patrícia Machado, arqueóloga responsável pelo Centro Interpretativo, promoveu uma visita guiada ao parque arqueológico, desde as cortas até às galerias romanas. A comitiva percecionou in loco porque é que o Complexo Mineiro Romano de Tresminas representa uma das mais importantes e mais bem preservadas explorações de ouro do Império Romano.

O edil Alberto Machado sublinhou a importância de estabelecer pontes com entidades locais, nacionais e internacionais relevando o trabalho destas na visibilidade de Tresminas. O diretor António Ponte lembrou o contexto desta visita que dá a conhecer à comissão nacional o trabalho municipal desenvolvido nas antigas minas portuguesas e solicitar o apoio da UNESCO Portugal no desenvolvimento do processo de candidatura de Tresminas a Património Mundial.

O embaixador Jorge Lobo de Mesquita referiu que aqui há um valor único e que o bem em causa justificaria um relevo. Os responsáveis sublinharam a via conjunta de territórios mineiros romanos em Trás-os-Montes e Castilla y León.

Refira-se que há uma parceria transfronteiriça entre Tresminas (Portugal) e Las Medulas (Espanha), que prevê a implementação de um protocolo durante este ano que inclui medidas de valorização do legado romano na Península Ibérica com atividades conjuntas em áreas como a investigação, o turismo e a divulgação.

Las Medulas é Património Mundial desde 1997 e há o propósito de alargar o complexo mineiro romano de Tresminas à respetiva classificação pela UNESCO, na categoria de Paisagem Cultural.

Com esta visita formal, realizada a 9 de março, Tresminas é oficialmente conhecida pela Comissão Nacional da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

UNESCO visita Tresminas – TVR

Texto: C.M. Chaves

Categories: homepage, Regional

Write a Comment

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*